Título mundial do Bangu faz 58 anos

Alvirrubros venceram torneio chancelado pela Fifa em Nova York que aconteceu em 1960

Nesta segunda-feira, 6, a conquista da Internacional Soccer League completa 58 anos. Tal marca é a representação de um dos títulos mais importantes do Bangu no seu rol de grandes conquistas, equivalendo tal consagração ao mundial interclubes.

Criada pelo estadunidense Will “Bill” Cox, a Internacional Soccer League foi realizada em Nova York, em 1960. Sob supervisão do então secretário-geral vice-presidente da FIFA, Stanley Rous, esta foi uma importante iniciativa para a modernização dos grandes torneios, que futuramente gerou o Mundial Interclubes. Há época vários jornais do país olhavam para a Internacional Soccer League como torneio mundial de futebol, inclusive recebendo destaque na Folha de São Paulo, em janeiro de 1960.

Dois anos antes da ISL, o Brasil havia conquistado a Copa do Mundo, tão logo, os olhos do mundo se voltavam ao país como um dos representantes de força no futebol. Vice-campeão Carioca de 1959, o Bangu recebeu o convite para participar da competição após a desistência do Fluminense, que optou por dar foco ao estadual de 1960.

A delegação do Bangu então embarcou em 30 de junho de 1960 com 17 atletas e sua comissão técnica. Elba Pádua Lima, o Tim, era o técnico e com eles também estavam o chefe de delegação Sérgio Vasconcelos, o médico Ivan Cortês e jornalista Antônio Cordeiro.

Dividido em dois grupos, a competição trazia no Grupo 2 ao lado do Bangu, as equipes Estrela Vermelha de Belgrado, Sampdoria, Sporting, IFK Norrköping e Rapid Wien. A outra chave era composta por Kilmarnock, Burnley, Nice, New York Americans, Bayern de Munique e Gievanon F.C.

Mostrando qualidade técnica impecável, o Bangu virou sensação da competição, tendo em seus jogos uma média de 15 mil espectadores. Com a dupla Zé Maria e Luis se destacando na fase de grupos como os artilheiros da equipe, com cinco gols cada, o time da Zona Oeste carioca passou com louvor para a fase final.

Campanha do Bangu na fase grupos

4/7/1960 – Bangu 4×0 Sampdoria – Estádio Polo Grounds
10/7/1960 – Bangu 3×2 Rapid Wien – Estádio Polo Grounds
16/7/1960 – Bangu 5 x 1 Sporting – Estádio Polo Grounds
20/7/1960 – Bangu 0x0 IFK Norrköping – Estádio Polo Grounds
31/7/1960 – Bangu 2×0 Estrela Vermelha de Belgrado – Estádio Polo Grounds

Em jogo único, em 6 de agosto de 1960, o Bangu teve pela frente os escoceses do Kilmarnock na final do torneio. Dois gols de Válter selaram a vitória e a consolidação do título banguense, no Estádio Polo Grounds. E num ato histórico, os próprios adversários carregaram o capitão do Bangu Décio Esteves nos braços.

Título alvirrubro foi destaque na imprensa internacional

Relação dos atletas do Bangu campeões mundiais em 1960

1- Ubirajara
2 – Joel
3 – Darci Faria
4 – Zózimo
5 – Ananias
6 – Nilton dos Santos
7 – Correia
8 – Zé Maria
9 – Décio Esteves
10 – Válter
11 – Beto
12 – Aílton
13 – Mário Tito
14 – Paulo César
15 – Ademir da Guia
16 – Luís Carlos
17 – Durval

Neste ano o Bangu iniciou as mobilizações para buscar o reconhecimento oficial do título mundial de 1960 e a camisa oficial desta temporada traz o selo em referência a esta importante conquista.

Assessoria de imprensa