Alfredo Sampaio comenta estreia na Taça Rio e vira página para jogo contra o Macaé

Treinador contesta expulsão e pênalti não marcado quando partida estava com placar zerado

A derrota do Bangu para o Fluminense foi bastante dolorosa por conta do placar de 4 a 0. Contudo, o Alvirrubro encontrou adversidades em campo, como pênalti polêmico não marcado e a expulsão de forma precipitada do zagueiro Michel ainda no primeiro tempo, quando o placar estava 0 a 0. O técnico Alfredo Sampaio falou dos fatores que culminaram no resultado final e já foca na busca pela reabilitação contra o Macaé, sábado, fora de casa.

O resultado
– Foi surpreendente porque a nossa equipe tem qualificação suficiente para não perder de 4 a 0. Mas as circunstâncias do jogo conduziram para isso. O primeiro tempo foi lá é cá, com ambos os times buscando o gol. Porém, não tivemos um pênalti claro quando estava 0 a 0 e uma expulsão que não entendi, pois o Michel não era o último homem. Foi uma falta normal, tinha uma linha de quatro homens na defesa. Houve um rigor muito grande, atingindo um dos principais jogadores da equipe e acabou influenciando no resultado final.

Postura no segundo tempo
– Tive que mexer no segundo tempo para ganhar um pouco de força, mas levamos logo de cara um gol que não se pode levar. A partir daí virou uma aventura porque erramos feio nos dois primeiros gols, estávamos com menos um e o impacto foi grande. Pela campanha do primeiro turno, foi totalmente contrário do que podemos render.

O cartão vermelho
– A expulsão influenciou em tudo. Quando tem que jogar num campo com essas dimensões, com apenas nove na linha e contra uma equipe qualificada, fica muito complicado. Houve um rigor muito grande, não houve falta para levar um cartão vermelho direto. 

Foco no Macaé
– O jogo acabou quando entramos no vestiário. Foi um placar elástico e ruim, nunca imaginaríamos esse resultado nem nos piores momentos. E se tivéssemos vencido, seria do mesmo jeito. Temos responsabilidades por sermos profissionais do futebol. Por isso, é virar a página e ir para Macaé em busca dos três pontos.

Assessoria de imprensa