Bangu encara o Resende buscando partida com ‘erro zero’ para ir à semifinal da Taça Guanabara

Assim como no último, rodada final ocorre fora de casa e equipe espera manter o bom momento

O domingo, 3, é pra lá de decisivo para o Bangu. Em segundo lugar no Grupo B com sete pontos, o Alvirrubro está a uma vitória da classificação à semifinal da Taça Guanabara pelo segundo ano seguido. Pela frente, o Resende dentro do Estádio do Trabalhador, no Sul Fluminense, a partir das 17h. O goleiro Jefferson Paulino destaca o caráter do jogo, pede a equipe focada e com o mínimo de falhas possíveis para trazer a vaga para a Zona Oeste.

– É um jogo decisivo, não só por eles estarem na briga, mas também porque uma vitória nos coloca na semifinal. Conversamos para entrarmos concentrados no que temos que fazer e saber que, por ser uma decisão, é um jogo de detalhes e quem errar menos irá vencer. Vamos focados e esperamos alcançar nosso objetivo – afirma.

Um dos destaques do Bangu durante a Taça Guanabara, sem dúvida, é o setor defensivo. A meta de Jefferson Paulino foi vazada somente duas vezes, na estreia da competição diante do Flamengo. Como não poderia ser diferente, o camisa 12 espera manter o bom nível em campo para conquistar a ida à semifinal do primeiro turno.

– Estamos em um bom momento, que é fruto do trabalho e da concentração de todos. Entraremos para esta decisão mais focados e atentos, sabendo que estamos criando e marcando os gol. Esperamos estar bem na linha de trás para dar tranquilidade para os meias e atacantes criarem. Se continuarmos mais uma vez sem levar gol, temos grandes chances de sairmos vencedores e classificados – espera o goleiro.

Bangu e Resende se enfrentam na tarde deste domingo, 3, às 17h, no Estádio do Trabalhador. No histórico entre os clubes, vantagem alvirrubra: 12 vitórias, sete empates e sete derrotas.

Assessoria de imprensa